Sons binaurais: diminuem o estresse, melhoram o sono e aumentam a produtividade

Sons binaurais: diminuem o estresse, melhoram o sono e aumentam a produtividade

Você já ouviu falar batidas ou sons binaurais? É uma técnica que já existe há algum tempo, e está ligada a vários tipos de efeitos positivos, como diminuição do estresse, melhora do sono e aumento da produtividade.

É um novo gênero musical? – você deve estar se perguntando.

A maior parte das pessoas quando ouve o termo pela primeira vez tem essa ideia mesmo. Mas não é nada disso! Vamos lá:

Sons binaurais são compostos por duas ondas de frequências muito próximas, porém diferentes e inferiores a 1000 hertz (hz) direcionadas separadamente para cada ouvido.

Quando o cérebro recebe essas duas frequências, ele tenta harmonizar a diferença, criando um terceiro e único som, o binaural. Esse esforço da mente é o que resulta em muitos benefícios terapêuticos.

Antes de continuar a leitura deste artigo, é muito importante ressaltar que, as pesquisas referentes aos efeitos positivos dos sons binaurais ainda não são conclusivos. Portanto, faça o teste, mas não deixe de lado os métodos tradicionais de tratamento, ok?

Descoberta dos sons binaurais

O poder dos binaurais foi descoberto em 1839, pelo cientista alemão Heinrich Wilhelm Dove.

Mas foi em1973 que, o biofísico norte-americano Gerald Oster deu relevância ao assunto ao publicar várias pesquisas mostrando como esses sons podem ajudar no diagnóstico de doenças, na concentração e no controle do estresse e da ansiedade.


Você também pode gostar


Desde então, os sons binaurais têm sido usados por pessoas que desejam ter maior produtividade e rendimento nos estudos e no trabalho. Confira no áudio abaixo:

Principais frequências e benefícios dos sons binaurais

As cinco principais categorias de frequências de ondas cerebrais são: Delta (1- 4 Hz), Teta (4 – 7 Hz), Alfa (7 – 13 Hz), Beta (13 – 40 Hz) e Gama (+ 40 Hz), cada uma delas está relacionada um estado mental diferente, gerando então diversos efeitos benéficos. Veja abaixo:

Delta

Coordenada aos batimentos cardíacos;
Estimula a produção dos hormônios antienvelhecimento;
Promove o relaxamento físico;
Reduz o estresse.

Teta

Estimula a aprendizagem e a criatividade;
Promove a cura espontânea;
Promove o sono REM;
Reduz o estresse e a ansiedade.

Alfa

Aumenta a energia vital;
Gera mais coordenação mental;
Reduz os estados de estresse e depressão;
Torna a meditação mais leve.

Beta

Ajuda na resolução de problemas;
Expande o estado de alerta;
Facilita o pensamento linear;
Melhora o raciocínio lógico.

Gama

Aumenta o foco;
Melhora a memória;
Promove a hiperconcentração;
Proporciona mais bem-estar.

Onde encontrar sons binaurais?

Vem cá: você já deve estar com vontade de experimentar essa técnica, não é mesmo?

Temos uma boa notícia pra você: há diversos exemplos de sons/batidas binaurais disponíveis de graça na Internet, além de extensas listas de reprodução com diferentes tons usados em tratamentos.

Outra opção é buscar em apps de streaming como Spotify, Deezer, Google Play Music, entre outros, que possuem playlists com opções variadas.

Avisos importantes!

Para que a experiência seja eficaz, é extremamente importante usar fones de ouvido;
Verifique também ouvir sons binaurais certos, pois frequências diferentes produzem efeitos diferentes;

É importante não ouvir esse tipo de som ao dirigir ou desempenhar alguma tarefa que exija alta concentração, já que, em alguns casos, podem induzir ao sono.

Portanto, não deixe de colocar aí na sua rotina ( mesmo que agitada) essa prática. Escolha um horário do seu dia que seja mais tranquilo, basta ser 30 minutinhos e experimente. No mínimo, os sons binaurais vão te ajudar a ter um dia menos estressante. Pense nisso!

Sobre a Top Spa Brasil

O portal Top Spa Brasil é focado em conectar Spa ao bem-estar das pessoas e ao navegar pelo portal, é possível encontrar uma gama de conteúdos educativos sobre o setor, além de encontrar em um só lugar diversidade de Spas e profissionais qualificados. Clique aqui e confira.

E aí gostou da dica? Você já é adepto (a) dessa prática? Conte a sua experiência aqui nos comentários.

Até o próximo artigo.

Conteúdo Relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *